fbpx
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
familias
  • Português
  • Español
  • English

Dicas de segurança para casa compartilhada

É muito comum, principalmente para jovens e viajantes, optar por casas compartilhadas para morar ou ficar hospedado durante um determinado período de tempo. Este formato de moradia requer alguns cuidados de segurança importantes para que nenhum incidente ou problema aconteça.

Que tal saber um pouco mais como utilizar a tecnologia para manter locais compartilhados protegidos, com privacidade e hóspedes tranquilos? Leia neste post algumas dicas de dispositivos que colaboram com a segurança de locais como esse.

Afinal, o que são casas compartilhadas?

Também conhecidos como rommates, que em tradução para o português significa colega de quarto, são pessoas que compartilham o mesmo espaço para morar ou para ficar hospedado. O termo faz referência a pessoas que alugam quartos em casas e apartamentos nos quais as dependências comuns são divididas com outros moradores.

E não se engane! Este conceito não fica restrito a jovens e estudantes. Atualmente, as casas compartilhadas são tendência nas grandes cidades, e os motivos são os mais diversos: dividir contas, ter companhia, proximidade do local de trabalho, preocupação com economia mais sustentável, etc.

Como manter casas compartilhadas seguras?

Imagine morar em um local no qual circulam diferentes pessoas que, na maioria dos casos, começam a morar sem conhecer o colega de quarto? Fica evidente que algumas dicas de segurança são fundamentais para que o ambiente permaneça seguro, não é mesmo?

Acompanhe algumas dicas de dispositivos tecnológicos que auxiliam neste processo:

Porteiro eletrônico

Ao instalar um porteiro eletrônico na casa compartilhada, o acesso fica restrito aos moradores que sabem a senha ou estão na posse de chaveiro RFID, acionado por aproximação.

Este dispositivo pode ser instalado no acesso comum e principal do local e até mesmo na porta de cada um dos quartos dos moradores, garantindo que a entrada de estranhos não seja permitida.

Ainda, é comum que o aparelho conte com um aviso de violação. Assim, é emitido um som semelhante a uma sirene e ocorre o bloqueio da fechadura em casos de arrombamento.

Câmeras de segurança

Pensando nas áreas comuns das casas compartilhadas, as câmeras de segurança são equipamentos interessantes para auxiliar na segurança e manter a tranquilidade dos moradores.

Instaladas nos ambientes comuns, como sala e cozinha, o dispositivo possibilita registrar e monitorar as atividades de quem frequenta o local.

Central de alarme de incêndio

Para evitar acidentes com fogo, a central de alarme de incêndio é a alternativa ideal e mais eficaz. Ela é responsável por monitorar os dispositivos do sistema de incêndio, receber a informação que identifica a fumaça provocada no ambiente e acionar o alarme.

Vale lembrar que na casa compartilhada cada pessoa faz suas atividades, tem seus hábitos e rotina. Um fósforo mal apagado ou uma panela esquecida no fogão podem ocasionar incêndio, colocando em risco a casa e os demais moradores.

Se você achou interessante o modelo de casa compartilhada, não esqueça de verificar a segurança do local antes mesmo de escolher sua moradia ou hospedagem.

Para isso, procure por soluções que facilitem o dia a dia e que possibilitem manter o controle de acesso nas dependências da casa, apartamento ou até do seu quarto.

Gostou deste post. Compartilhe agora mesmo nas redes sociais!

 


Centro de Treinamento Tecnológico

Seja um profissional de Segurança Eletrônica certificado pela JFL Alarmes.

Acessar Calendário

Cursos de capacitação tecnológica a distância

Aprender sobre os equipamentos JFL nunca foi tão fácil.

Acesse os cursos

Loja JFL

Adquira materiais promocionais com a marca JFL para sua distribuidora e clientes.

Acessar loja JFL

RLG Automatizadores

Conheça os Automatizadores e Cancelas RLG. Uma empresa do Grupo JFL Alarmes.

Acessar site RLG